Com Covid-19, segurança de Bolsonaro tem piora de saúde e é internado

0
0


source
homem sério arrow-options
Isac Nóbrega/PR

Presidente Jair Messias Bolsonaro

O Policial Militar Ari Celso Rocha Lima de Barros, de 39 anos, que atua como segurança para o presidente Jair Bolsonaro, deu entrada no Hospital de Base de Brasília na noite desta quarta-feira (25) após ter piora no quadro de saúde em função do Covid-19.

Ari foi diagnosticado com doença no dia 18 de março e estava isolado em casa desde então, mas foi encaminhado ao hospital após apresentar piora. A informação foi confirmada ao jornal Estado de São Paulo pela mãe de Ari, Julmar Rocha Lima de Barros.

Leia também: Homem de 36 anos é primeira vítima fatal do Covid-19 em Ribeirão Preto

O segurança não estava presente na comitiva que foi até os Estados Unidos com o presidente Jair Bolsonaro no começo de maio. A mãe de Ari confirmou que um representante da presidência foi visitá-lo no hospital. O segurança tem uma esposa e dois filhos.