Nas redes sociais, Bolsonaro afirma que não está com coronavírus e volta atacar imprensa

0
0
Foto: Ueslei Marcelino/Reuters

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta sexta-feira (13/03) que seu exame realizado no laboratório HFA/Sabin, em Brasília, deu resultado negativo para presença do novo coronavírus.

Bolsonaro foi submetido ao teste de infecção depois que o secretário de Comunicação da Presidência, Fabio Wajngarten, teve o diagnóstico de coronavírus confirmado por um exame e uma contraprova feitos no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo.

Wajngarten fez parte da comitiva que acompanhou Bolsonaro em viagem oficial à Flórida, onde o presidente se encontrou com o líder americano, Donald Trump.

Depois de alguns portais de notícias especularem a possível contaminação do Covid-19 no presidente Bolsonaro, ele se manifestou no Twitter sobre o teste negativo e voltou à atacar a imprensa.

Foto: Reprodução

O presidente está trabalhando do Palácio da Alvorada, a residência oficial em Brasília, desde que a suspeita havia sido levantada. Ele deve continuar despachando de lá durante a quarentena, segundo o planalto.

Alguns dias atrás, Bolsonaro havia minimizado a gravidade da epidemia, dizendo que a crise do novo coronavírus ‘não é isso tudo’.

“Muito do que tem ali é muito mais fantasia, a questão do coronavírus, que não é isso tudo que a grande mídia propaga”, afirmou o presidente durante viagem aos EUA.

Em live feita nas redes sociais ele apareceu de máscara ao lado do mandatário chefe da Secom (Secretaria Especial de Comunicação da Presidência), Fabio Wajngarten, que teve o teste positivo para a doença.

Foto: Reprodução/Facebook

Além de Jair Bolsonaro, a família dele, políticos e membros do governo que viajaram para os Estados Unidos no último sábado (7) fizeram exames para identificar se contraíram o novo coronavírus.

Pelas redes sociais, a primeira-dama Michelle Bolsonaro, o ministro Augusto Heleno (GSI) e o deputado Eduardo também informaram que seus testes deram negativo.