Município publica decreto que determina fechamento do comércio em Guarulhos por 30 dias

1
10
Foto: Reprodução/Facebook

A Prefeitura Municipal de Guarulhos publicou nesta quinta-feira (19) um decreto que prevê a partir de amanhã 20/03 o fechamento de bares, casas noturnas, shoppings e comércio em geral da cidade. Confira o decreto na íntegra clicando aqui.

As medidas foram anunciadas pelas redes sociais do Prefeito Guti (PSB) por onde tem manifestado medidas de combate ao coronavírus durante os últimos dias, quando a doença se intensificou e a cidade passou a ter casos confirmados.

O prefeito reforçou que a triagem dos passageiros dos voos internacionais deve ser intensificado se não será como “enxugar gelo” segundo ele. E que as pessoas comprem em pequenos estabelecimentos pois eles são os que mais sofrerão com as perdas de receita.

A partir do dia 23/03 está suspenso a concessão de alvarás e somente 60% da frota de ônibus estará nas ruas. Haverá redução da frota progressivamente no decorrer dos próximos dias. Está suspenso por decreto também, a realização de cultos e missas. Os serviços da prefeitura só poderão ser feitos por telefone e internet.

Nos dias 23 e 24/03 a cidade terá 12 pontos de distribuição de cestas básicas para os alunos da rede municipal de ensino beneficiados por programas sociais como Bolsa Família e CadÚnico. Os endereços ainda não foram divulgados.

Foi solicitado por parte da prefeitura que a EDP e a Sabesp não cobrem multas ou juros dos clientes nem que os serviços sejam interrompidos por corte.

O Secretário da Saúde Dr. José Mário reforçou assim como na live de ontem, que as pessoas respeitem as recomendações de médicas e de privação. Já o prefeito pediu a colaboração da população no que chamou de “Pacto pela Vida”

Na última sexta-feira (13) o município anunciou a criação do Comitê Municipal de Gestão sobre o coronavírus. O anúncio nesta quinta-feira abrange também o fechamento dos parques da cidade e recomenda aos estabelecimentos comerciais que têm atendimento direto ao público a suspensão de suas atividades pelo prazo de 30 dias. Salvo supermercados e farmácias por exemplo, os demais devem ser fechados.

Segundo o secretário de Saúde, José Mario Stranghetti Clemente, até o início da tarde desta quinta-feira Guarulhos tinha 284 casos notificados. Destes, 249 aguardam o resultado dos exames. Descartados são 31. Nenhum caso foi confirmado para doença hoje.

Há ainda quatro casos confirmados com contágio internacional, não comunitário, que é quando a pessoa teve contato com alguém que viajou ou esteve fora do país.

Hoje também o prefeito e alguns de seus secretários se reuniram com entidades do setor produtivo para discutir as medidas que foram adotadas na cidade em razão do combate ao vírus (covid-19).

Na ocasião o secretário de Governo, Edmilson Americano, salientou que a Prefeitura terá queda na receita, mas que as determinações precisam ser imediatas para controlar a propagação da doença.