Brasil passa da marca de 100 mil mortes em decorrência da Covid-19

Foto: Reprodução

O Brasil passou da marca de 100 mil mortes em decorrência da Covid-19, desde o início da pandemia no país. No balanço divulgado pelo Ministério da Saúde, foram registrados 905 óbitos neste sábado (08).

Dos 3.012.412 casos de pessoas infectadas pelo novo coronavírus, 2.094.293 (69,5%), mais da metade estão recuperados. O ministério aponta ainda que o número de pessoas em acompanhamento é de 817.642 (21,1%).

Estados mais atingidos

Os estados com mais mortes pelo novo coronavírus são: São Paulo (25.016), Rio de Janeiro (14.070), Ceará (7.951), Pernambuco (6.920) e Pará (5.871). Já Tocantins (444), Mato Grosso do Sul (492), Roraima (547), Acre (559) e Amapá (601) são as unidades da Federação com menos óbitos.

Luto das autoridades

Pelas redes sociais, vários políticos e autoridades se manifestaram pelo número de 100 mil óbitos no país. Entre eles, o presidente do Congresso Nacional, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli também prestou condolências pelas vidas perdidas por causa do avanço da doença. O presidente Jair Bolsonaro não se manifestou sobre a tragédia do coronavírus neste sábado.