Diante da flexibilização, Guti ressalta números positivos da Covid em Guarulhos

Imagem: Reprodução/Facebook

A prefeitura de Guarulhos acredita que pode ter passado do pico da pandemia na cidade. A afirmação veio da boca do Prefeito Gustavo Henric Costa (PSD) durante transmissão ao vivo nas redes sociais nesta quinta-feira (04).

Junto do Secretário Municipal de Saúde, Dr. José Mário, conforme é informado às quintas-feiras, a taxa de cura do coronavírus é de 78% em Guarulhos. No Hospital de Campanha do Cecap, segundo o secretário, 82,6 % dos infectados, foram curados.

De acordo com o Boletim Epidemiológico desta quarta, do total de 3.518 pessoas contaminadas pelo novo coronavírus na cidade até o momento, cerca de 2.700 ‘evoluíram satisfatoriamente’, conforme a nota. Entretanto, até hoje já são 297 vítimas fatais da doença no município.

O Prefeito disse que não quer ser leviano, mas ontem (03) durante sua live afirmou que a taxa de contágio aparentemente tem caído na cidade. A prefeitura corre contra o tempo para aumentar a oferta de leitos para pacientes com coronavírus, antes de 15 de junho, data prevista para flexibilização oficial da quarentena em Guarulhos.

Os dados desta semana apontam que 23,37% do total de 3.518 casos de Covid-19 confirmados até agora estão entre pessoas de 30 a 39 anos. Outros 23,17% entre as de 40 a 49 anos e 16,57% entre as de 50 a 59 anos.

Cerca de 12% entre idosos de 60 a 69 anos passam pela doença, mas é este último grupo, que tem a maior letalidade com 27,95% dos óbitos até o momento. A faixa etária acima de 80 anos, corresponde por 21,89% das mortes.

Os leitos clínicos e de UTI destinados a pacientes com Covid-19 em Guarulhos tiveram queda na taxa de ocupação em relação ao registrado ontem(3), conforme os números divulgados. Os leitos de enfermaria caíram para 98,4% e os de UTI para 90%..

Os pacientes que tiveram exames cancelados por causa da pandemia, serão contatados por telefone. O secretário José Mário voltou afirmar que as consultas e exames serão retomados pela rede pública de saúde a partir de segunda-feira (08).