Jamil João Zarif tem semáforos desligados e pedestres ficam em desvantagem diante dos veículos

Foto: Reprodução

Não é fácil transitar pela Rua Jamil João Zarif de carro ou a pé, sobretudo nos horários de pico. A situação é caótica devido ao grande volume de carros nos dois sentidos.

A via interliga as regiões do Haroldo Veloso, passa em frente a uma das entradas do Aeroporto. E passa ainda, pelos bairros Malvinas, Santa Lídia e Jd. Marilena até desembocar na Praça Oito de Dezembro.

Quem trafega por ali todos os dias reclama da falta de sinalização adequada tanto para pedestres quanto para motoristas. É o caso da leitora Larissa Andrade, ela apontou o perigo na travessia e a incidência de atropelamentos na região.

Cercada de comércios e residências, os semáforos da Jamil João Zarif, não funcionam, e não é de hoje. Os desentendimentos entre passageiros e o ‘nó’ no trânsito são comuns, sobretudo no acesso ao bairro Santa Lídia.

A Prefeitura de Guarulhos informou à reportagem que encaminhou a reclamação à Divisão Semafórica do Departamento de Trânsito para que os reparos sejam feitos. Mas, não informou quando ficarão prontos.

Ainda segundo a administração municipal, a cidade tem sido acometida de constantes furtos de fiação e botoeiras semafóricas. Esses equipamentos são essenciais para o passagem de pedestres diante do fluxo de veículos.

As Polícias Militar e Civil foram acionadas pela departamento de trânsito para auxiliar em operações que coíbam novos furtos. A equipe de imprensa da Prefeitura não esclareceu se a Rua Jamil João Zarif teve equipamentos de sinalização furtados.