Ministério da Saúde quer recontar mortos pela Covid-19, anúncio causa indignação

Foto: Ricardo Moraes/Reuters

Por três vezes nessa última semana o Ministério da Saúde retardou a divulgação de dados sobre a pandemia. Na quarta (3) e na quinta-feira (4), o boletim da situação epidemiológica do país só foi divulgado próximo das 22h.

Os dados eram corriqueiramente anunciados por voltadas 19h. Os técnicos do ministério não conseguiram explicar a razão do atraso. De acordo com portal G1, fontes do governo disseram que foi uma ordem vinda do Palácio do Planalto.

A nova regra seria atrasar e dificultar a divulgação dos crescentes números de casos e mortes. Essa semana o governo anunciou a recontagem dos casos de Covid-19. Carlos Wizard, novo secretário do Ministério da Saúde foi quem fez a afirmação.

Entretanto, diversas autoridades repudiaram a declaração, Wizard que atribuiu o número elevado de casos a ‘maquiagem’ feita pelas secretarias estaduais. A defensoria pública da união foi a justiça pedir que o boletim do ministério seja divulgado antes das 19h.