Prefeitura vai recorrer da decisão judicial que impede Guarulhos de avançar com a flexibilização

Foto: Michel Wakin (Guarulhos Online)

O Tribunal de Justiça de São Paulo determinou que Guarulhos siga as determinações do governo estadual, que colocaram a cidade na fase laranja do Plano São Paulo. A previsão era de que a terceira fase da retomada econômica tivesse início na próxima segunda-feira (6).

De acordo com o chefe do Executivo, o município irá recorrer da decisão na próxima semana. “Os leitos disponíveis em Guarulhos possibilitam que continuemos fazendo a retomada de forma responsável, por isso, continuaremos lutando pelos guarulhenses”, afirmou o Prefeito Guti.

Na fase laranja, que o município deverá seguir agora, os shoppings centers, galerias e outros estabelecimentos poderão funcionar com apenas 20% da capacidade total. E ainda, com horário reduzido a 4 horas e a proibição de abertura das praças de alimentação.

Já o comércio e o setor de serviços também só poderá funcionar apenas 4 horas por dia, com 20% da capacidade total. Os estabelecimentos têm a opção de funcionar 6 horas por dia, por quatro dias na semana, desde que o atendimento presencial seja suspenso nos outros três.

Todos os estabelecimentos deverão seguir as determinações de assepsia e cuidados com o distanciamento. Fica ainda proibida a abertura para consumo no local de bares e restaurantes.

Salões de beleza e barbearias, academias de esportes em todas as modalidades e outras atividades que gerem aglomeração também devem permanecer fechados. As igrejas e templos religiosos ficam impedidos de reabrir diante deste cenário.