Vacina chinesa contra coronavírus chega a Cumbica e Governo do Estado inicia testes em humanos

Foto: Nicolas Asfouri/AFP

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou em entrevista coletiva nesta segunda-feira (20), que a vacina chinesa contra o coronavírus deve começar a ser aplicada em voluntários a partir desta terça-feira (21), no Hospital das Clínicas (HC).

Ao todo, são 20 mil doses produzidas pelo laboratório chinês Sinovac Biotech, que já chegaram no aeroporto de Guarulhos, na madrugada desta segunda-feira (20). O avião com as vacinas saiu de Frankfurt, na Alemanha, e pousou por volta das 4h20, as doses estão na alfândega aguardando liberação.

Vacinas contra o novo coronavírus chegam ao aeroporto de Cumbica nesta segunda-feira (20) – Foto: Divulgação

O instituto Butantan será responsável por realizar os testes, que serão aplicados a princípio em 9 mil voluntários da área da saúde. O grupo terá acompanhamento médico a cada duas semanas após a realização da imunização, e a expectativa é que esta primeira etapa seja concluída em até 90 dias.

Doria anunciou a chegada das vacinas ao Brasil em sua conta do Twiter e informou que os testes serão aplicados em cinco estados brasileiros, além do Distrito Federal: São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

Se a vacina se mostrar efetiva, será distribuída no próximo ano, com produção de mais de 120 milhões de doses. A distribuição será feita pelo SUS, de forma gratuita, para todo o país.