Instituição pede doações do IR para projeto de educação voltado a deficientes visuais

Foto: Reprodução

Objetivo é capacitar professores da rede pública de São Paulo para o ensino de crianças e adolescentes cegos ou com baixa visão; veja como ajudar

Até o dia 30 de abril, a Fundação Dorina Nowill para Cegos recebe doações para o novo projeto “Saber Incluir”. Pessoas físicas que fizerem a declaração do Imposto de Renda (IR) no modo completo poderão destinar até 3% do tributo para colaborar com a ação.

O “Saber Incluir” é um projeto que oferece, em meio digital, a distribuição dos conteúdos voltados à educação e práticas inclusivas. De acordo com a organização, os valores arrecadados serão destinados para promoção de acessibilidade e de capacitação aos professores que dão aula para pessoas com deficiência visual.

Esta ação objetiva capacitar cerca de 480 educadores da rede pública do Estado de São Paulo, que poderão participar de 16 palestras e 10 videoaulas ao longo de 2021. O conteúdo é voltado à alfabetização de crianças e adolescentes com deficiência visual para que esses profissionais realizem aulas acessíveis aos estudantes.

A doação por pessoa física pode ser feita na condição de imposto a pagar ou a restituir, seguindo a porcentagem máxima de 3%. No primeiro caso, o valor doado para a instituição beneficente será abatido da quantia que o contribuinte-solidário teria de pagar. Já no caso da restituição do IR, o donativo será descontado do valor a receber.

Como doar

Para destinar seu Imposto de Renda como pessoa física basta seguir as instruções abaixo:

1– Após informar as possíveis doações realizadas em 2020 e terminar o preenchimento da sua declaração no modo completo, selecione “Resumo da Declaração” e escolha a opção “Doação diretamente na declaração – ECA”. Clique em “Novo “, escolha:

  • A- Tipo do Fundo: “Estadual”
  • B- UF: “São Paulo”
  • C- CNPJ: 13.885.657/0001-25 (esse número é do CONDECA e será gerado automaticamente)
  • D- Abaixo do quadro, no canto inferior direito, o próprio programa da Receita Federal indicará o valor disponível para doação. Este valor deverá ser digitado no campo “Valor” para completar a operação. Clique em Ok.

2– Clique na opção “Imprimir” no menu lateral e selecione “DARF – Doações diretamente na declaração – ECA”. O sistema gerará o Documento de Arrecadação de Receitas Federais, um boleto bancário que deve ser pago até o dia 30 de abril.

3– Envie uma cópia do comprovante de pagamento da DARF para o e-mail: [email protected] com o título: Eu apoio o projeto Saber Incluir.

4– Em seguida a Fundação Dorina enviará um modelo de carta para solicitação do recibo de doação junto ao Conselho Estadual dos Direitos da Criança e Adolescente de São Paulo.

O superintendente executivo da Fundação Dorina Nowill para Cegos, Alexandre Munck, afirmou que, com a nova realidade do ensino a distância, promover a capacitação dos professores para que as aulas sejam inclusivas é fundamental.

“É importante ressaltar que a pessoa física não pagará mais imposto com isso. O que acontece é a destinação de parte do IR a pagar, permitindo que o valor seja direcionado para uma instituição social”, explicou Alexandre.