Doria anuncia volta do Campeonato Paulista para o dia 22 de julho

Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

O governo de São Paulo anunciou nesta quarta-feira (08) que que o Campeonato Paulista será retomado no dia 22 de julho. O pronunciamento aconteceu no Palácio dos Bandeirantes durante entrevista coletiva.

O governador João Doria (PSDB) liberou o retorno, mas com algumas restrições, como o acontecimento de jogos sem a presença de torcedores e realização de partidas somente em cidades que estiverem na fase amarela do Plano São Paulo de retomada econômica.

Atualmente estão na fase amarela as cidades de São Paulo, São Bernardo do Campo, Diadema, São Caetano do Sul, Mauá, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, Itapecerica da Serra, Cotia, Embu, Embu-Guaçu, Juquitiba, São Lourenço da Serra, Taboão da serra e Vargem grande paulista.

A retomada do Paulistão aconteceu após Doria atender um pedido feito pela Federação Paulista de Futebol (FPF) nesta terça-feira (07).

O documento entregue pela FPF prevê que os 16 clubes que disputam a Série A1 do campeonato fiquem confinados antes dos jogos em locais previamente determinados para o controle dos profissionais envolvidos nas partidas.

“Nosso Comitê de Saúde aprovou em conjunto com a Federação Paulista de Futebol o novo protocolo de retomada do Campeonato Paulista”, disse o Governador. “Quero registrar que a FPF agiu de forma correta e plena, atendendo integralmente às recomendações do Centro de Contingência da COVID-19. Ainda que sem a presença de torcida, todos poderão assistir pela televisão e torcer para seus clubes”, acrescentou Doria.

Faltam duas rodadas para o fim da fase de classificação do Paulistão. No mata-mata, as equipes jogam uma vez pelas quartas de final, uma pela semifinal e duas na grande decisão, restando assim, seis confrontos para o término do campeonato.