IPVA 2021: veículos com placa final 8 têm até amanhã (23) para pagamento sem desconto

Foto: Divulgação/Sefaz

O imposto pode ser pago de forma integral, sem desconto, ou, para quem optou pelo parcelamento, recolher a segunda cota

Os proprietários de veículos com placa final 8 têm até esta terça-feira (23) para efetuar o pagamento à vista e sem desconto, do IPVA 2021. Para os contribuintes que optaram pelo parcelamento do tributo, o prazo de recolhimento da segunda cota também vence nesta terça-feira.

O calendário desta segunda fase segue até quinta-feira (25) para os veículos com final de placa 0, conforme a tabela. A consulta do valor pode ser feita em toda a rede bancária ou diretamente no portal da Secretaria da Fazenda e Planejamento.

Pagamento

Para efetuar o pagamento, basta se dirigir a uma agência bancária credenciada com o número do Registro Nacional de Veículo Automotor (RENAVAM) e realizar o recolhimento do tributo, através dos terminais de autoatendimento ou nos guichês de caixa.

O pagamento pode ser feito também pela internet ou via débito agendado e por meio de outros canais oferecidos pela instituição bancária, além de casas lotéricas e com cartão de crédito, nas empresas credenciadas pela Secretaria da Fazenda e Planejamento.

As operadoras financeiras conveniadas têm autonomia para definir o número de parcelas e adequar a melhor negociação com o contribuinte. Consulte os endereços no portal da fazenda e planejamento.

O contribuinte que deixar de recolher o imposto fica sujeito a multa de 0,33% por dia de atraso e juros de mora com base na taxa Selic. Passados 60 dias, o percentual da multa fixa-se em 20% do valor do imposto.

Para mais informações, os proprietários dos veículos podem entrar em contato com a Secretaria pelo telefone 0800-0170110 (por telefone fixo), (11) 2450-6810 (exclusivo para chamadas por telefone móvel) e pelo canal Fale Conosco, no portal da fazenda.

Licenciamento Antecipado

Para antecipar o licenciamento anual, deverão ser quitados integralmente todos os débitos que recaiam sobre o veículo, compreendendo o IPVA, a taxa de licenciamento, o prêmio do Seguro DPVAT e, se for o caso as multas de trânsito.