PF cumpre mandado em Guarulhos em operação que investiga assalto de Araçatuba

Foto: Arquivo/Agência Brasil

Em menos de 15 dias as autoridades já prenderam oito pessoas envolvidas no roubo

A Polícia Federal (PF) realizou na manhã desta terça-feira (14), uma operação que investiga a organização criminosa responsável pelo roubo às agências bancárias da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil, em Araçatuba, no dia 30 de agosto.

A PF prendeu hoje, temporariamente, na capital paulista, um suspeito de integrar a quadrilha. Além do mandado de prisão, foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão em Campinas, três em Piracicaba, dois em Araçatuba, um em Guarulhos e seis em São Paulo. As autoridades não divulgaram a região de Guarulhos em que o mandado foi cumprido.

A ação dos criminosos durou duas horas na madrugada em que o assalto aconteceu, com ataques às agências, tiroteio e fuga. Os criminosos fizeram moradores e motoristas reféns, com algumas das vítimas feitas de escudo humano. Veículos foram incendiados para fechar vias e atrapalhar a aproximação da polícia.

Além disso, os assaltantes usaram drone para monitorar a chegada da polícia e espalharam explosivos pelo centro da cidade, motivo pelo qual a prefeitura suspendeu as aulas e o transporte público na cidade.

Segundo a Polícia Federal, as investigações continuam, em menos de 15 dias as autoridades já prenderam oito pessoas envolvidas no roubo. Outras duas, que já haviam sido identificadas, morreram.