Professor e pesquisador de Guarulhos é nomeado ao INEP do Ministério da Educação

Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução

Devanildo Damião da Silva comentou ao Guarulhos Online as expectativas para o novo cargo, veja

O professor, pesquisador e atual Coordenador Técnico Científico da Agência de Desenvolvimento e Inovação de Guarulhos e Coordenador do Conselho de Desenvolvimento Municipal, Devanildo Damião da Silva, 49 anos, foi nomeado a compor o Conselho Consultivo do INEP ligado ao Ministério da Educação.

O órgão é responsável pelas avaliações, exames, estatísticas, indicadores, gestão do conhecimento e estudos educacionais. Damião assume como suplente e foi escolhido dentre profissionais reconhecidos por saber notório e contribuição à sociedade.

Pesquisar há mais de 30 anos e professor há 25, hoje leciona em faculdades de Guarulhos em cursos de graduação e pós-graduação. É membro da Academia Guarulhense de Letras e recebeu o título de cidadão guarulhense pelos trabalhos desenvolvidos em prol da cidade.

O Guarulhos Online conversou com o professor sobre a nomeação, confira a seguir:

GO – Como foi para você receber a notícia desta nomeação, era esperada?

R. Recebi com satisfação, é sempre importante poder contribuir com a sociedade e ter o reconhecimento pelo trabalho que foi desenvolvido.

GO – Como sua formação técnica e experiências anteriores contribuirão com esta nova função?

R. As experiências, o aprendizado são importantes, a pesquisa, a busca do conhecimento, leva ao desenvolvimento de trajetórias únicas e que podem estar alinhadas e contribuir com a sociedade, tenho paixão pela educação, pela inovação, pela qualidade, o que naturalmente contribui para discussões e propostas nestes segmentos.

GO – Durante sua experiência nas funções de Coordenador Técnico Científico honorário da Agência de Desenvolvimento e Inovação de Guarulhos e Coordenador do Conselho de Desenvolvimento Municipal de Guarulhos, quais projetos foram possíveis de executar e quais estão engatilhados?

R. As experiências acima relatadas são importantes e altamente relevantes, além delas, a participação de grupos de pesquisas importantes na Universidade de São Paulo como pesquisador e as experiências em Sorocaba na implantação do Parque Tecnológico com base na referência francesa de polos de competitividade e o período na presidência do Conselho de Ciência, Tecnologia e Inovação de Jundiaí.

Um ponto importante e transversal nos projetos é a visão de tratar a inovação na perspectiva de um sistema e considerando a importância da articulação como elemento estruturante.

Em Guarulhos a experiência do Conselho de desenvolvimento é fantástica, foram diversas ações importantes e relevantes, fruto da qualificação de demandas e projetos, para citar um grupo específico, o grupo de energia está viabilizando a doação de um sistema de energia fotovoltaica para a UPA de Cumbica.

O Conselho vem atuando para impedir que a FURP, a qual produz remédios populares seja desmobilizada na cidade de Guarulhos. Existia no Conselho de desenvolvimento, o Clube do Livro com o objetivo de discutir literatura com os jovens e que foi articulado em conjunto com o CIEE e o Colégio Torricelli.

Como membro da cadeira 09 do Academia Guarulhense de letras, acredito que o colegiado vai apoiar este projeto. A educação e qualidade dos projetos é o eixo transversal e estruturante de todas as ações.

GO – Você vai se mudar para Brasília? Vai deixar suas demais funções aqui como dar aulas e se abster das funções no município na área técnico-científica?

R. Não existe a necessidade de mudança. vou continuar a desenvolver as atividades normalmente na cidade, atuando na academia local e espero contribuindo com a sociedade.

GO – A função de Conselho Consultivo do INEP permitirá de alguma maneira que medidas educacionais sejam direcionadas a redutos regionais ou são de cunho nacional?

R. O INEP é uma autarquia vinculada ao Ministério da educação, as medidas possuem impacto nacional. Logicamente, qualquer avaliação faz parte de um contexto maior de gestão, o qual deve permitir aprimorar ações.

GO – Para você, qual a relevância para cidade de um profissional que atua em Guarulhos ser convidado para um cargo no Ministério da Educação, de que maneira a cidade pode ser beneficiada com essa mudança e ao mesmo tempo não perder com sua possível saída daqui?

R. É importante que a cidade de Guarulhos possa ser representada em todas as esferas, somos a segunda cidade do estado em termos populacionais, a quarta economia do estado de São Paulo, temos o principal equipamento logístico da América do Sul que é o Aeroporto Internacional.

Temos um grande diferencial que é a sociedade civil, a qual se organiza e articula as demandas de maneira organizada, precisamos buscar meios de ampliar a repercussão. Continuarei, esta é a minha vontade, contribuindo para a cidade, lembro que quando comecei a atuar em Guarulhos diretamente em projetos, estava em Sorocaba no Projeto do Parque Tecnológico, apesar de na época de atuar como professor na cidade.

Casei e tive os meus filhos na cidade, fato que traz uma ligação irreversível. Vou continuar morando estudando e pesquisando maneiras de ajudar a nossa cidade, inclusive, vou visitar o Conselho de educação e o Secretário de Educação para verificar maneiras de contribuir.