15.7 C
Guarulhos
qui, 09 dez 2021
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Câmara Municipal vai suspender contratos de servidores públicos não vacinados contra Covid-19

- PUBLICIDADE -

A lista publicada pelo Presidente do Legislativo, Martello conta com 14 nomes de vereadores que tem até hoje para comprovar imunização com duas doses

A Câmara Municipal vai suspender os contratos de funcionários da casa, concursados ou comissionados que não se vacinaram contra a Covid-19. A diretriz está na portaria nº 24.242 publicada na última sexta-feira (22) no Diário Oficial do Município (página 182).

De acordo com o texto, a mesa da presidência considera que a vacinação contribui para a preservação da saúde de servidores, agentes públicos, vereadores e usuários em geral dos serviços do Poder Legislativo e é de interesse público e da sociedade.

Desta forma, a fim de evitar a disseminação da Covid-19, em acordo à solicitação do
Ministério Público do Trabalho – Procuradoria do Trabalho no Município de Guarulhos;
a medida é respaldada pelo Decreto Municipal nº 38.314/21 que dispõe sobre a obrigatoriedade da imunização aos funcionários da Administração Pública.

Sob pena de sanções, o Presidente da Câmara Municipal de Guarulhos, vereador Fausto Miguel Martello (PDT) tornará suspenso os contratos de trabalho dos servidores relacionados em uma lista com mais de 150 nomes que não comprovam estarem vacinados.

Ocorre que entre os servidores que devem ser afastados, consta ao menos 14 vereadores com mandato vigente. São eles:

  • Alexandre dentista (PSD)
  • Carlinda Tinoco (Republicanos)
  • Danilo Gomes (DC)
  • Geraldo Celestino (PSC)
  • Gilvan Passos (PSD)
  • Laércio Sandes (DEM)
  • Lauri Rocha (PSD)
  • Luis da Sede (PSD)
  • Márcia Taschetti (Progressitas)
  • Maurício Brinquinho (PT)
  • Pastor Anistaldo (PSC)
  • Paulo Roberto Cecchinato (PTB)
  • Romulo Ornelas (PT)
  • Welliton Bezerra (AGIR)

Mal entendido

Nas redes sociais, durante o fim de semana, alguns vereadores publicaram registros de estarem vacinados com as duas doses do imunizante contra a Covid-19 e reclamações sobre seus nomes constarem na portaria. Mas a maioria não ainda não se manifestou.

Última chamada

Por meio de nota, a Câmara Municipal apontou que houve um equívoco na listagem que se deu por parte do Ambulatório Médico da Câmara, responsável por receber os comprovantes de vacinação e encaminhar à mesa da Câmara que emitiu a portaria.

No entanto, o Guarulhos Online apurou que os os listados tem até hoje para apresentarem comprovante de vacinação. A nova relação será publicada nesta terça-feira (26) em uma nova edição do Diário Oficial. Confira a íntegra da nota a seguir:

VEJA TAMBÉM

BOLETIM COVID GUARULHOS

REDES SOCIAIS

28,959FãsCurtir
10,600SeguidoresSeguir
5,135SeguidoresSeguir
2,780InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

ÚLTIMAS NOTÍCIAS