Fase de transição em Guarulhos é prorrogada até 15 de julho

Foto: Michel Wakin/Guarulhos Online

A intenção de flexibilizar as medidas restritivas foi adiada e as regras atuais estão mantidas para o funcionamento das atividades de comércio e serviço

Em coletiva realizada nesta quarta-feira (23), no Palácio dos Bandeirantes, o governador João Doria (PSDB) anunciou que a fase de transição do Plano São Paulo foi prorrogada até o dia 15 de julho em todo Estado de São Paulo.

Com isso, a intenção de flexibilizar as medidas restritivas foi adiada e as regras atuais estão mantidas para o funcionamento das atividades de comércio e serviço.

Até a primeira quinzena do próximo mês, restaurantes, salões de beleza, academias e atividades culturais permanecerão com funcionamento limitado ao horário das 06h até 21h. Além disso, a ocupação dos estabelecimentos continuará fixada em 40% da capacidade.

O teletrabalho para as atividades administrativas não essenciais e o escalonamento do horário de entrada e saída das atividades de comércio, serviços e indústrias também serão mantidos.

Além disso, o toque de recolher permanecerá no horário das 21h às 05h.

Aumento de casos e mortes por Covid-19

De acordo com o governador, a decisão foi tomada a partir da orientação do Centro de Contingência da Covid-19 e acontece devido o aumento no número de casos e mortes no Estado.

“Devido aos índices elevados de casos, internações e óbitos em São Paulo, o governo do estado vai seguir, mais uma vez, a recomendação do Centro de Contingência e prorrogar a fase de transição até 15 de julho”, afirmou Doria.