Nossos hospitais estão preparados para receber pacientes com Covid-19 ou não, diz Secretário da Saúde

Foto: Reprodução/Redes Sociais (maio de 2020)

Diante do fechamento do Hospital de Campanha com data marcada para esta sexta-feira (04) a Prefeitura de Guarulhos, por meio da Secretária de Saúde tem orientado que pacientes com sintomas de Covid-19 procurem atendimento nas demais unidades médicas da cidade.

Conforme orientou o Secretário Municipal de Saúde, Dr. José Mário Clemente durante live do Prefeito Gustavo Henric Costa (PSD) nas redes sociais nesta quinta-feira (03) o serviço de saúde municipal de Guarulhos está preparado para receber pacientes com Covid-19 ou não.

Ainda de acordo com a Secretaria de Saúde, o munícipe com sintomas gripais leves pode procurar a Unidade Básica de Saúde mais próxima de sua residência. Já casos de emergência podem se dirigir há um dos Pronto Atendimentos (P.A) Paraventi, Maria Dirce ou Dona Luiza.

As Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) Paulista, São João, Taboão e Cumbica também podem receber pacientes nessas condições. Os hospitais da Criança e do Adolescente (HMCA), Municipal de Urgências (HMU) e Pimentas/Bonsucesso (HMPB) são outras opções apontadas pela administração municipal.

A Prefeitura demostrou que os índices de contaminados e mortos pelo novo coronavírus tem caído progressivamente e com o término do contrato, entende que não é mais necessário continuar com o Hospital de Campanha montado no Pq. Cecap por pouco mais de cinco meses.

No fim desta semana termina também, o contrato de locação entre a Prefeitura e três hospitais particulares de Guarulhos. Stella Maris, Bom Clima e Carlos Chagas deixam de ofertar vagas para pacientes com Covid-19 do Sistema Único de Saúde (SUS).

No mês passado, a reportagem do Guarulhos Online questionou a pasta se haveria um hospital de referência para atendimento específico de Covid-19, mas em nota, a atual gestão informou que todos os hospitais da cidade tem capacidade para este tipo de atendimento.

Entre as indagações, o GO também questionou para onde os equipamentos usados no hospital de campanha serão destinados, mas, sobre esse ponto não obtivemos resposta. Apesar do cenário, o prefeito e sua equipe reconhecem e alertam que a pandemia ainda não acabou.