Vacinação contra gripe é liberada para toda população

Foto: Ivanildo Porto/PMG

Segunda chance aos grupos prioritários; a disponibilidade de doses fica condicionada aos estoques das UBS

O Ministério da Saúde orientou neste sábado (03) que os municípios passem a vacinar contra a Gripe Influenza (H1N1) toda a população a partir dos seis meses de idade. O público-alvo nas fases iniciais ainda não atingiu os 90% de imunização previstos no começo da campanha que seguirá até sexta-feira (09).

A 23ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza (gripe) seguirá até durarem os estoques do imunizante que está disponível em 66 Unidades Básicas de Saúde (UBS), das 08h às 16h, com exceção das UBS Paulista, Dona Luíza e Alvorada.

As doses da vacina contra a gripe também estão disponibilizadas no Ambulatório da Criança (Centro). Para quem faz parte do público-alvo e ainda não foi se vacinar, o Ministério da Saúde reforça a importância de se proteger com esta vacina.

Fazem parte dos grupos prioritários

  • Pessoas acima dos 60 anos
  • Professores
  • Crianças de seis meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias)
  • Gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto)
  • Povos indígenas
  • Trabalhadores da saúde
  • Pessoas com comorbidades e deficiência permanente
  • Caminhoneiros
  • Trabalhadores do transporte coletivo rodoviário, urbano e de longo curso
  • Trabalhadores portuários
  • Membros das forças de segurança e salvamento e forças armadas
  • Funcionários do sistema carcerário e população privada de liberdade

Os grupos prioritários da campanha é composto por pessoas que podem desenvolver formas mais graves da doença e a preocupação é ainda maior no inverno. Para receber a dose única do imunizante é importante levar RG e carteirinha de vacinação.